S2Publicom
SALA DE IMPRENSA

VALTRA > Releases

São Paulo, Wednesday, April 28, 2010

Valtra lança colheitadeira axial BC 6500

Máquina é nova opção para médios produtores de grãos que querem ou necessitam migrar para a agricultura de precisão

Apenas dois anos depois de completar seu portfólio de máquinas agrícolas com o lançamento da BC 4500 e da BC 7500, a Valtra, empresa do grupo AGCO, entra de vez no mercado de colheitadeiras. De olho no potencial de médios produtores de grãos, que estão migrando para máquinas de maior desempenho com qualidade de colheita em busca de agregar valor a seus produtos, a empresa lança a colheitadeira axial BC 6500.

O objetivo é oferecer aos agricultores uma nova opção de máquina na classe 6, uma alternativa entre as das classes 7 e 8, de alta performance e mais caras, e as das classes 4 e 5, mais baratas porém com menos tecnologia disponível. A BC 6500 surge como alternativa para os produtores que querem começar a investir na agricultura de precisão e, ao mesmo tempo, ter uma qualidade superior nos grãos colhidos.

As máquinas da classe 6 da Valtra têm o diferencial da tecnologia de colheita axial aliada ao baixo custo em comparação às classes 7 e 8, explica o Coordenador de Marketing de Produto da Valtra, o engenheiro Douglas Vincensi. Desta forma, produtores que estão trocando o maquinário e querem aumentar o nível tecnológico de sua frota ganham uma nova opção no mercado.

O engenheiro explica que o conceito axial é definido pelo fluxo do material colhido em torno do rotor, fazendo com que o processo de separação entre o grão e a palha seja suave, preservando a qualidade da semente, que sofre menos danos. No sistema convencional, mais barato, que utiliza o fluxo tangencial, há maior quebra dos grãos, pois a separação acontece de maneira mais agressiva. Na BC 6500, o rotor segue o mesmo conceito da sua irmã maior, a BC 7500 – o diâmetro de 70 centímetros e o comprimento de 3,56 metros, o maior da categoria, estão mantidos.

“Queremos posicionar a 6500 como um modelo básico, entre a 4500 e a 7500. Uma máquina próxima à classe 5 no preço, mas com tudo o que existe de tecnologia de ponta para agricultura de precisão”, resume o Gerente de Vendas, Luiz Cambuhy.

Segundo Vincensi, hoje as colheitadeiras axiais correspondem em torno de 45% do mercado no Brasil, e a tendência é de crescimento, já que seu processo privilegia a qualidade dos grãos que, mais valorizados no mercado, garantem ao produtor um resultado melhor – por isso estão ocorrendo as migrações de classe.

Tecnologia

O principal diferencial da BC 6500 da Valtra é a disposição da tecnologia axial em um modelo mais econômico. A colheitadeira é destinada às médias propriedades, especialmente para agricultores que buscam melhorar a qualidade final da sua colheita por meio de um processo de trilha eficiente e que garante o menor índice possível de quebra de grãos.

Motor

O motor Citius 8.4 CTA da AGCO possuiu 4 válvulas/cilindo (sistema cross-flow) e sistema de injeção commom rail, da Bosch. A tecnologia cross-flow aumenta a circulação de ar pela câmara de combustão, o que permitiu centralizar verticalmente o injetor. O sistema de injeção commom rail, da Bosch, é controlado eletronicamente e permite uma resposta rápida do sistema, contribuindo para a otimização do uso do combustível. O resultado é um melhor controle da mistura do ar e do combustível com excelente controle das emissões e de consumo. As duas tecnologias buscam aprimorar sempre o melhor uso do combustível, controlar as emissões, obter respostas mais rápidas e ter sempre disponível a potência necessária, “na dose certa, pois todo o controle do motor é eletrônico”, destaca Douglas Vincensi.

Plataforma

A plataforma de corte da série 500, de fácil manutenção, possui controle automático de altura e um sistema flexível que permite sua adequação às irregularidades do terreno. Isso proporciona um corte uniforme e mais rente ao solo, reduzindo as perdas e aumentando os índices de colheita e a qualidade dos grãos.

Trilha e separação dos grãos

Como sua “irmã maior”, a BC 6500 utiliza um sistema exclusivo de trilha e separação axial. Isso assegura uma operação extremamente eficiente, mantendo a qualidade dos grãos colhidos com um mínimo de perda. O rotor foi projetado para aproveitar todos os benefícios disponíveis em tecnologia de processamento axial (HiTresh) e pode ser configurado com barras, facas e raspadores, permitindo a melhor adequação para cada condição de lavoura. Seu acionamento é hidrostático, único na categoria, o que facilita e simplifica as operações de colheita, tornando o dia do operador da máquina muito mais produtivo e com menos esforço.
 
Os côncavos disponíveis para a BC 6500 são os mesmos da BC 7500 e oferecem uma trilha suave, porém com agressividade suficiente para trilhar e manter limpos os grãos colhidos em culturas com alta umidade ou de difícil debulha. Suas barras e arames são de material altamente resistente, aumentando o período de trabalho em condições de colheitas abrasivas. Suas regulagens visam prevenir ao máximo as perdas e danos ao grão.

Limpeza

A operação de limpeza é composta por bandejas, peneiras superiores e inferiores e ventilador. Os grãos recolhidos pela bandeja superior são direcionados para a inferior e, nesta primeira queda, já ocorre uma separação da palha. Da bandeja inferior, os grãos migram para as peneiras. Há uma nova queda e nova separação, desta vez por jato direto de ar. As sementes então passam para a peneira superior já com grande parte da palha fina removida, sobrando apenas a mais grossa. Os grãos e vagens trilhados, limpos e livres de impurezas vazam pelas aberturas da peneira superior e vão, finalmente, para a inferior, limpado ainda mais o material e direcionando o que não foi trilhado para ser reprocessado.

Transporte e descarga dos grãos

O grão limpo vindo das peneiras é transportado até o nivelador pelo elevador. O nivelador recolhe os grãos e os distribui centralmente dentro do tanque graneleiro, que tem capacidade de armazenamento para 10.570 litros ou o equivalente a 125 sacas de grãos, uma das maiores do mercado na sua categoria. Ou seja, as jornadas de trabalho podem ser maiores e os tempos de paradas, menores. Uma vez cheio o tanque, um alarme sonoro é disparado e as balizas giratórias emitem “flashes” de luz avisando o operador que a máquina está pronta para a descarga.

Conforto

Outra preocupação da Valtra é com o conforto dos operadores das máquinas. Normalmente, em pequenas e médias propriedades o maquinário é comandado pelo próprio agricultor ou por familiares, diferentemente de grandes propriedades, que contam com funcionários contratados. A cabine da BC 6500 tem console integrado ao banco do operador, com todos os comandos ao alcance da mão, excelente ergonomia, visibilidade total de operação e banco com suspensão de ar.

Mercado

A Valtra, tradicional marca de tratores, lançou suas primeiras colheitadeiras em 2007. Na época, lembra o Gerente de Vendas Luiz Cambuhy, a empresa fez uma análise do mercado e decidiu investir primeiro em um modelo da classe 4, que tinha maior procura no Brasil. “Essa classe dispõe do sistema tradicional, o tangencial, e as máquinas são mais baratas. Por isso, atinge pequenos e médios produtores e corresponde a 40% do mercado de colheitadeiras no país. Dentro deste percentual, a Valtra tem 45% de participação".

Por outro lado, a venda de colheitadeiras axiais também estava crescendo em função da demanda dos produtores por máquinas de alta performance, já que grande parte das perdas nas lavouras de grãos no país ocorre na plataforma da colheitadeira. Neste contexto, no mesmo ano a Valtra lançou também a axial BC 7500, da classe 7, que na época representava 10% do mercado – em 2009 já ocupa 15%.

Segundo Cambuhy, um dado que chama a atenção é a queda de vendas de máquinas da classe 5, considerada de transição tecnológica. "A comercialização desta categoria caiu de 31% para 26%. Um dos motivos é a tecnologia. Muitas colheitadeiras desta classe ainda são fabricadas com sistema tangencial", explica.
 
Com a B 4500 e a B 7500 a Valtra atende hoje cerca de 60% do mercado com clientes bem distintos. De um lado, o grande. Do outro, o pequeno. Em 2010 a marca aposta forte no nicho que corresponde aos 40% da demanda e onde ainda não estava presente: o da classe 6. "95% das colheitadeiras desta classe vendidas atualmente são axiais. E dentre as axiais, as da classe 6 concentram o maior volume de vendas. A Valtra está muito confiante com o lançamento da B 6500 porque tem um excelente produto que vai atender perfeitamente as necessidades do mercado”, afirma o executivo.

Ficha técnica

Modelo: Colheitadeira BC 6500
Potência nominal: 305 cv (2.100 rpm)
Potência de reserva: 325 cv (1.900 rpm)
Potência máxima de carga: 335 cv (2.100 rpm)
Capacidade do tanque de grãos: 10.570 litros
Capacidade de descarga: 88 litros/segundo

Conheça também os outros modelos de colheitadeiras Valtra

BC 4500 - Destinada às pequenas e médias propriedades, é uma colheitadeira classe 4 de sistema convencional de trilha, que apresenta um desempenho muito próximo ao de uma classe 5. Na sua categoria, é a máquina que apresenta a maior área de trilha e a melhor relação peso/potencia do mercado.

Com baixo consumo de combustível, a BC 4500 é de fácil operação. O baixo custo de manutenção e o ótimo desempenho fazem desta máquina uma excelente relação custo/benefício. O motor AGCO SISU Power 620 DSR foi desenvolvido exclusivamente para aplicação agrícola. Este motor de 6 cilindros turbo de 190 cavalos traz economia e performance excelentes em qualquer condição de colheita e topografia.

O sistema de transmissão é do tipo hidrostático, com três marchas, o que proporciona velocidade e torque adequado a todas as condições de colheita. O controle é realizado por uma alavanca multifuncional, localizada no console lateral, o que proporciona uma ótima ergonomia e controle da operação.

A plataforma de corte série 500, robusta e de fácil manutenção, permite um corte uniforme rente ao solo. O sistema flexível favorece a adequação da plataforma às ondulações do terreno, reduzindo as perdas e aumentando os índices de colheita e a qualidade dos grãos. O tanque graneleiro tem capacidade para 5.200 litros, volume equivalente a 66 sacas de soja.

A cabine centralizada possui ampla área de visão, garantindo segurança e conforto ao operador. O moderno monitor HiVision traz todas as informações necessárias em único display colorido. Ele oferece um completo controle operacional, pois realiza o monitoramento do motor, perdas, área colhida, horas trabalhadas, rotações dos eixos, controles automáticos e sistemas de segurança.

BC 7500 - A qualidade dos grãos colhidos é o principal diferencial desta máquina de sistema axial classe 7, destinada a grandes áreas. A BC 7500 colhe sem causar dano aos grãos, além de trazer outras vantagens ao agricultor: baixo custo de manutenção, facilidade de operação e de manutenção, ótimo desempenho e menor consumo de combustível.

A máquina vem com motor AGCO SISU Power Citius 84 CTA, de 6 cilindros Turbo Aftercooler, que possui injeção eletrônica Common Rail - Bosch de última geração e gera 355 cavalos de potência com economia de combustível e baixo índice de emissões. A BC 7500 foi projetada para facilitar a manutenção. O acesso ao motor, sistema hidráulico, comandos e correias é simples e rápido, reduzindo o tempo gasto com a manutenção diária.

Os controles da plataforma estão à mão do operador, desde seu acionamento até as regulagens, o que facilita a operação e a funcionalidade do sistema. O desenho do rotor é exclusivo e é o mais longo do mercado, proporcionando a maior área de trilha e separação do segmento. Além disso, é acionado por um motor hidráulico, o que mantém sua velocidade constante em qualquer condição de colheita.

O tanque graneleiro, um dos maiores da categoria, armazena 10.570 litros, o equivalente a 125 sacas de soja. De dentro da cabine, a boa visualização do tanque graneleiro favorece o controle da qualidade dos grãos colhidos, facilitando eventuais mudanças de regulagem.

A cabine tem uma área de 5,7 m² de visibilidade e, com 3,4 m³ de volume interno, permite acomodar alem do operador o auxiliar ou acompanhante. O monitoramento de funções e controles é realizado em dois painéis eletrônicos, um localizado na coluna lateral e, o outro junto ao teto, em frente ao operador.
 
Um conjunto de 12 luzes de trabalho facilita a visão do campo em condições de baixa luminosidade. Além disto, a BC 7500 conta com duas luzes dianteiras, duas traseiras e um farol de entrada e saída da cabine.

Como item opcional, a BC 7500 conta com o sistema de agricultura de precisão Fieldstar II, tecnologia que fornece informações estratégicas como produtividade, umidade dos grãos etc, permitindo também que o agricultor gere mapas geo-referenciados de produtividade, velocidade, perdas e outros, podendo melhor planejar e gerenciar as operações agrícolas.

Sobre a Valtra

A linha de produtos Valtra inclui tratores de 50 a 210 cavalos, colheitadeiras e implementos. A empresa é líder no segmento canavieiro, está no Brasil desde 1960, sendo a primeira empresa do segmento a se instalar no país. Conta hoje com uma rede de 150 pontos de venda e assistência técnica no país, além de 13 distribuidores nos demais países da América Latina e exporta para mais de 60 países. A Valtra é uma das marcas pertencentes à AGCO Corporation.

Para saber mais sobre a Valtra, produtos e serviços, visite o site: http://www.valtra.com.br.

Sobre a AGCO

A AGCO, Your Agriculture Company (NYSE: AGCO), foi fundada em 1990 e oferece uma linha de produtos completa incluindo tratores, colheitadeiras, equipamentos para fenação e forragem, pulverizadores, equipamentos para preparo de solo, implementos e peças de reposição relacionadas. Os produtos da AGCO são vendidos através de suas marcas principais: Valtra®,Challenger®, Fendt® e  Massey Ferguson®, que são distribuídos por mais de 2.700 concessionárias e distribuidores independentes em mais de 140 países no mundo. A AGCO oferece financiamento por meio do AGCO Finance. A empresa fica sediada em Duluth, na Geórgia, e em 2009 teve uma receita líquida de vendas de US$ 6,6 bilhões.  Visite o website: http://www.agcocorp.com.

Contatos para a Imprensa:
S2 Comunicação Integrada
http://www.s2.com.br
Twitter / Flickr / Youtube: S2comunicacao
PABX:
(11) 3027-0200 / Fax: (11) 3027-0222
Júlia Vidal - julia.vidal@s2.com.br
Telefone: 3027-0220
William Penna - william@s2.com.br
Telefone: (11) 3027-0269

Mais informações

  • Perfil
  • Releases
  • Imagens
  • RSS Feed
  • Busca

    Busca Avançada






    Conheça os clientes S2Publicom

    • ABES
    • AGCO
    • Alcon
    • Allianz
    • amFAR
    • Ancona
    • ARCOS DORADOS
    • BANK OF AMERICA
    • BAOBÁ
    • Bayer CropScience
    • Beneficência Portuguesa
    • BRASOFTWARE
    • Canon
    • CASA RONALD MCDONALD
    • CEMPRE
    • CNPEM
    • COLEGIO PITAGORAS
    • COSTA DO SAUÍPE
    • CRIVO TRANSUNION
    • CURY
    • CYRELA
    • DEEZER
    • EA (Electronic Arts)
    • EDITORA ID
    • EDITORA MODERNA
    • EDITORA SALAMANDRA
    • ENTERASYS
    • EUROP ASSISTANCE
    • FACULDADE PITÁGORAS
    • FACULDADE UNIÃO
    • FAMA
    • FAMA - Faculdade Atenas Maranhense
    • FUNDAÇÃO PITÁGORAS
    • FUNDAÇÃO SANTILLANA
    • Garret
    • GENERAL SHOPPING
    • GOL
    • GROUPON
    • GRUPO SANTILLANA
    • Gypsym Drywall
    • HASBRO
    • Henkel
    • HONEYWELL
    • HONEYWELL UOP
    • HOTEIS.COM
    • INADE
    • Incube
    • INSTITUTO RONALD MCDONALD
    • KORN / FERRY INTERNATIONAL
    • KROTON EDUCACIONAL
    • LAFARGE
    • LIVING
    • MASSEY FERGUSON
    • MCDONALD’S
    • MEAD JOHNSON NUTRITION
    • MODERNA LITERATURA
    • Napster
    • NETFLIX
    • NIC.BR
    • NINTENDO
    • NOVARTIS DIAGNOSTICOS
    • NURNBERGMESSE BRASIL
    • OFFICER
    • OUTBACK STEAKHOUSE
    • PARADIGMA
    • Paramaker
    • PINTO DE ALMEIDA ENGENHARIA
    • PROJECTA
    • PROVIDÊNCIA
    • Reach Local
    • REDE CRISTÃ DE EDUCAÇÃO
    • REDE PITÁGORAS
    • ROLLS-ROYCE
    • Santos Futebol Clube
    • SEBRAE SP
    • SIKUR
    • SINCTRONICS
    • Smiles
    • Sourcefire
    • Stone Age
    • Subsea 7
    • TBG
    • TIM
    • TITAN
    • UCI CINEMAS
    • UNIC
    • Unify
    • UNIME
    • Unimed do Brasil
    • UNIRONDON FACULDADE
    • UNOPAR
    • UNOPAR VIRTUAL
    • VALTRA
    • WARNER GAMES
    • WARNER HOME VIDEO
    • WISE